Compartilhe nas redes sociais

Assentamento Jonas Pinheiro recebe Visita Técnica na Unidade Demonstrativa Vila Láctea

Dando sequência ao Seminário do MAPA, será realizado na próxima quinta-feira, dia 16/05, no Assentamento Jonas Pinheiro, uma Visita Técnica na Unidade Demonstrativa Vila Lactea.

O evento é promovido pela SEMASA – Secretaria Municipal de Agricultura Familiar e Segurança Alimentar, em parceria com a Empaer – Empresa Mato-Grossense de Assistência Rural e o Clube Amigos da Terra (CAT), por meio do Projeto Cultivando Vida Sustentável.

O secretário da SEMASA, Marlon Zanela ressalta que o objetivo dessa visita é promover conhecimento e troca de experiências aos produtores da Agricultura Familiar, da cadeia produtiva do leite. “Dentro da programação das festividades pelo aniversário de Sorriso, dando sequência ao 2º Seminário para Desenvolvimento Agropecuário de Mato Grosso. Promovido pelo Ministério da Agricultura e Pecuária, por meio da Unidade Técnica Regional de Agricultura e Pecuária (Utra), teremos nesse dia 16 de maio, com início às sete e meia da manhã, uma visita técnica no sitio Vila Láctea, no Assentamento Jonas Pinheiro, onde será conhecido todo processo de produção dos deliciosos produtos da Rita”.

O secretário fez um convite a todos os interessados: “A gente convida todos que tenham interesse em participar. Será uma manhã de muito aprendizado no sitio da Rita. Lembrando que o evento é realizado numa parceria da SEMASA com a EMPAER e o CAT Sorriso”.

 

Crianças visitando a propriedade.

A médica veterinária da SEMASA, Marianna Pinto Sartori, que é e responsável técnica pela queijaria Sítio Vila Láctea, também reforçou o convite “Venho convidar a todos para essa Visita Técnica na propriedade, onde os produtores vão poder conhecer todo o processo de produção, que é desenvolvido na famosa queijaria da Rita, desde o manejo alimentar, enriquecimento ambiental, bem-estar animal, as boas práticas de ordenha e a industrialização do leite para obter os queijos. Lembrando que os produtos possuem certificação SIM que permite comércio no território municipal, o selo SUSAF, permitindo comércio no território estadual e SELO ARTE do Queijo Poranga, que permite o comércio deste queijo em todo território nacional”.

A zootecnista do Clube Amigos da Terra (CAT), Andreia Sousa falou sobre a importância do evento para os produtores “A visita técnica guiada é fundamental para os nossos produtores, pois proporciona a oportunidade de conhecer todo o sistema de produção da propriedade e da agroindústria. Além disso, promove uma experiência prática e uma aprendizagem contextualizada, essenciais para compreender como os conceitos teóricos se aplicam na prática do dia-a-dia. Essa visita também têm o poder de motivar os produtores que desejam ingressar nesse modelo de produção, pois oferece exemplo concreto do que pode ser alcançado”

Durante a visita, o Club Amigos da Terra (CAT) estará presente em uma das estações, abordando a importância do Bem-Estar Animal e do Enriquecimento Ambiental, que já estão sendo implementados na propriedade. Isso não apenas reforça a relevância desses aspectos, mas também demonstra como a propriedade está comprometida com práticas sustentáveis e éticas.

 

 

 

Um pouco da história da produtora:

Rita de Cássia começou a investir na produção de leite em 2009, com quatro vacas leiteiras, da raça Jersey, emprestadas por um médico veterinário. Mas em 2015 foi que ela resolveu deixar outros trabalhos para se dedicar integralmente ao negócio e expandir com a produção de queijos. Atualmente, ela tem 11 vacas ( 5 vacas em lactação, 2 novilhas e 4 bezerras) , que são criadas de modo em que o bem-estar é priorizado, e todas elas produzem o leite beta caseína A2, que pode ser consumido por pessoas com intolerância à lactose e alergia à proteína do leite de vaca.

“Eu converso com elas, dou amor e carinho. O amor pela atividade me fez superar todo o medo. Amar o que a gente faz é a diferença. Sempre pensei na sanidade animal, em proporcionar uma boa alimentação, ração de qualidade e água. Elas me respondem com um produto de qualidade”, contou.5 vacas em lactação
2 novilhas
4 bezerras

 

 

 

O Sítio Vila Láctea faz parte da Associação Clube Amigos da Terra (CAT Sorriso) que tem foco na sustentabilidade ambiental da região e presta assistência por meio de consultorias e apoio à Agricultura Familiar.

A produtora Rita Hachiya explicou como o evento vai acontecer : “As pessoas poderão visitar a propriedade para conhecer e aprender um pouco mais sobre o manejo. Nas estações teremos pessoas para falar sobre cada tema e tirar dúvidas dos participantes”

 

 

Programação:

Serão montadas estações, com a presença de técnicos da Empaer, que vão explicar sobre as Boas Práticas de Ordenha, Manejo e Bem-Estar Animal, Manejos de Pastagens e será feita uma explanação sobre a produção em Queijaria, ressaltando os selos SIM – Selo de Inspeção Municipal, SUSAF – SUSAF – Sistema Unificado Estadual de Sanidade Agroindustrial Familiar, Artesanal e de Pequeno Porte e o prêmio Queijo Selo Arte.

 

 

Local e horário:

A visita técnica acontece na quinta-feira, dia 16 de maio, na propriedade Vila Láctea, da produtora de leite e queijos, Rita Hachiya, que fica localizada no Assentamento Jonas Pinheiro, na estrada Doroty Stang, lote 210. O  início será às 7:30 da manhã com um delicioso café da manhã, e se estenderá até 9:30.

Informações:  3544-3379

 

Sobre a IDH

A Idh é uma organização global que atua para transformar os mercados. A Idh coloca as pessoas, o planeta e o progresso no centro do comércio, mobilizando o poder dos mercados para gerar empregos, rendas e um meio ambiente melhor com equidade de gênero para todos. Para atingir esse objetivo, reúne pessoas nas corporações, no setor financeiro global e nos governos com influência sobre as sobre as cadeias globais de valor para cocriar e coinvestir.

Com sede na Holanda, a Idh tem cerca de 380 funcionários em todo o mundo, operando em 20 países e 12 commodities e regiões de fornecimento, com mais de 1.000 parceiros públicos e privados. Em 13 anos de atuação, Idh gerou mais de 390 milhões de euros em investimentos do setor privado e apoio a novos modelos de negócios impactantes.

O trabalho da Idh é possível graças ao financiamento e à confiança de vários doadores públicos e privados, entre os quais os governos da Holanda e da Suíça e fundações privadas

Para obter mais informações, visite os sites www.idhsustainabletrade.com e www.idhlatam.com ou siga @IDHTrade no Twitter e LinkedIn.

 

Sobre o CAT Sorriso

O CAT Sorriso é uma associação sem fins lucrativos que reúne produtores rurais e se esforça pelo desenvolvimento tecnológico em harmonia com o meio ambiente. Com 21 anos de atuação, o Clube Amigos da Terra preza pela transparência de suas ações voltadas à preservação do meio ambiente, reconhecendo e valorizando a família do campo, construindo e consolidando trabalhos com resultados comprovados. O CAT Sorriso conta com o apoio da IDH na realização de seus projetos. Para saber mais, acesse: www.catsorriso.org.br.

 

Assessoria de Comunicação Cat Sorriso

Tâmara Figueiredo | (66) 99995 – 7316| [email protected]

 

 

 

12/06/2024

CAT e parceiros promovem oficinas e visitas técnicas para Agricultura Familiar de Sorriso e região

09/06/2024

IFMT e CAT reativam viveiro de mudas nativas

07/06/2024

Apesar dos benefícios, Sistema do Plantio Direto ainda é pouco utilizado em MT

06/06/2024

Sustentabilidade: venda de créditos certificados traz rentabilidade para produtores rurais

03/06/2024

Palestra apresenta como funcionam os Sistemas Agroflorestais (SAF)

31/05/2024

CAT lança Selo de Origem da Agricultura Familiar e livro didático sobre o Agro e o Desenvolvimento de Mato Grosso

Telefone

(66) 3544-3379

Horário de atendimento

Seg - Sex: 7h às 11h | 13h às 17h

Formulário

Preencha os campos e logo após o recebimento nossa equipe entrará em contato.