fbpx
dsc_0045.jpg__1000x800_q80_subsampling-2_upscale

PARCERIA PÚBLICO-PRIVADA VIABILIZA A AQUISIÇÃO DE MUDAS PARA PROJETO DE EXTENSÃO DO IFMT

Compartilhe nas redes sociais

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no print
Compartilhar no email

Nesta semana, pesquisadores e estudantes do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso (IFMT) Campus Sorriso realizaram o plantio de 314 mudas de plantas nativas e frutíferas na Fazenda Experimental da instituição de ensino.

As plantas são resultado de uma parceria entre o IFMT, a associação Clube Amigos da Terra (CAT), a IDH (Iniciativa para o Comércio Sustentável) e o viveiro Ziani Mudas e Reflorestamentos – de Tangará da Serra.

Na Fazenda Experimental, as mudas de graviola, uvalha, bacupari, acácia e pau-formiga, além de mudas de jabuticaba e caju, agora fazem parte da vitrine agroecológica: uma unidade demonstrativa que já desenvolve pesquisas e extensão com outras frutíferas, como banana e abacaxi.

De acordo com a professora Dra. Ana Paula Encide Olibone, que coordena o projeto, a gestão do viveiro abraçou a proposta da vitrine agroecológica e concedeu desconto de 50% sobre o valor das mudas, avaliadas em aproximadamente mil reais, sendo que o saldo restante foi dividido entre as demais instituições.

“Agradecemos à Dra. Fernanda Furlan Queiroz, gerente comercial e de produção, e ao Sr. Marino João Ziani, administrador do viveiro por abraçarem essa proposta juntamente com o IDH e também o CAT, que já é nosso parceiro de longa data na agroecologia”, complementa a pesquisadora.