fbpx
capa

Participe da capacitação online sobre Cultivo Hidropônico

Compartilhe nas redes sociais

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no print
Compartilhar no email

Participe você também da capacitação online “Cultivo Hidropônico”. Será no dia 18/06, à partir das 19 horas. O tutor será o biólogo Nesvaldo Bento de Oliveira, especialista em Hidroponia e pesquisador da EMPAER-MT

As vagas são limitadas. O curso será ministrado em duas etapas: a primeira online, nesta quinta-feira (18/06) e a segunda fase será presencial, assim que possível devido a pandemia. Para participar da segunda necessário participar desta fase.

A capacitação é voltada aos produtores da Agricultura Familiar, seja dos assentamentos ou cinturão verde, alunos, professores e demais interessados.

As inscrições podem ser feitas pelo telefone: (66) 99902-7027 (Leane Horn – CAT Sorriso). A realização é por meio do Projeto Cultivando Vida Sustentável, desenvolvido pelo CAT Sorriso, em parceria com a Idh – Iniciativa Para o Comércio Sustentável.

Durante a capacitação o participante irá conhecer as técnicas de Hidroponia para o cultivo sem solo, que apresenta várias vantagens em relação às formas de cultivo tradicionais, como o crescimento mais rápido; maior produtividade; aumento da proteção contra doenças, pragas e insetos nas plantas; economia de água de até 70% em comparação ao cultivo tradicional; possibilidade de plantio fora de época e rápido retorno econômico; além de menores riscos perante às adversidades climáticas.

De acordo com o biólogo Nesvaldo são inúmeras as vantagens do cultivo hidropônico: “Na hidroponia, a planta não entra em contato com o solo e recebe os sais minerais que precisa em proporção equilibrada, dissolvidos em água. O resultado é uma planta mais forte e sadia, com qualidade nutricional e sabor equivalente, ou superior, aos vegetais produzidos nas práticas tradicionais de cultivo. Permite um melhor controle dos fatores que regulam o crescimento das plantas (luz, nutriente, umidade, etc.).

Mas, segundo Nesvaldo, o maior atrativo do sistema hidropônico é a isenção de resíduos agrotóxicos. “Ao utilizar a hidroponia, o agricultor evita a degradação dos solos e a agressão ao ambiente, além de economizar, pois reduz o uso de produtos químicos e a preocupação com a desinfestação de áreas para o plantio.

A modernização na produção de hortaliças vem passando por transformações necessárias para melhorar a sua rentabilidade e competitividade. “Isso tem exigido dos agricultores a utilização de tecnologias para melhorar a eficiência produtiva do sistema e aumentar a competitividade dos produtos”.

E completou, dizendo que é preciso buscar sempre mais conhecimento e conhecer as tecnologias empregadas para agregar mais valor ao produto. “Dessa maneira, é preciso reduzir ao mínimo, o custo unitário de produção, agregando qualidade e valor ao produto, e aumentando a receita do produtor. É preciso conhecer a tecnologia. É aconselhável que se faça cursos e visitas às estruturas hidropônicas em funcionamento, procurar ler todo material sobre os assuntos (apostilas, livros, publicações). Realizar um levantamento da demanda de mercado e quais produtos tem mais aceitação pelo consumidor e o que será mais lucrativo”.

Para saber mais sobre os projetos desenvolvidos e apoiados pelo CAT Sorriso, acesse a página: www.catsorriso.com.br. Ou ligue: 3544-3379. O CAT Sorriso funciona em sala anexa ao Sindicato Rural de Sorriso, na Avenida Marginal Esquerda, 1415, bairro Bom Jesus.