fbpx
capa

Encontro Regional de Sistemas Produtivos supera expectativas e reúne mais de 500 participantes

Compartilhe nas redes sociais

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no print
Compartilhar no email

Mais de 500 pessoas, entre produtores rurais, engenheiros agrônomos, acadêmicos e profissionais da área agrícola, participaram na última sexta-feira (05.05) do 4º Encontro Regional de Sistemas Produtivos. Realizado pelo Clube Amigos da Terra (CAT Sorriso) em parceria com o Sindicato Rural e a Prefeitura Municipal, o evento contou com uma palestra de abertura e cinco estações tecnológicas.

Economista e consultor de mercados agrícolas, Vlamir Brandalize atraiu a atenção dos presentes ao falar das tendências do agronegócio mundial e brasileiro. Para o especialista, em se tratando de milho, os preços já atingiram o fundo do poço. “Se o produtor chegar na colheita e começar a vender tudo imediatamente, nos preços que aparecerem, certamente ele vai forçar o mercado com o excesso de oferta. É preciso buscar outras ferramentas como exportações, contratos do governo, e comercialização interna de maneira lenta. É uma grande safra, mas é preciso cautela”, garantiu Brandalize.

Depois da palestra principal foi a vez do agricultor José Eduardo Macedo Soares Junior, da fazenda Capuaba em Lucas do Rio Verde-MT, passar aos participantes um pouco da experiência em Sistemas integrados de Produção. Ele destacou a importância da rotação de cultura e a utilização da palhada como cobertura de solo.

Em uma das salas do Centro de Treinamento e Difusão Tecnológica do Instituto Mato-grossense do Algodão, o IMA, onde foi realizado o evento, a tema foi informática no campo. A palestrante Dra. Laurimar Gonçalves Vendrusculo, da Embrapa-MT, levou aos participantes as tecnologias disponíveis e aplicáveis na produção agrícola.

As outras explanações foram feitas nas estações tecnológicas montadas no campo. Manejo de solo – Nutrição, com o engenheiro agrônomo Dr. Ciro Magalhães; Manejo de doenças e Nematóides em soja, com a Dra. Dulândula Wruck e Microbiologia do Solo com o engenheiro agrônomo Anderson Ferreira, todos da Embrapa Agrossilvipastoril de Sinop-MT.

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso, o Senar-MT, também esteve presente no evento. O supervisor do Senar da regional Sorriso, Régis Bosoki, aproveitou para fazer uma apresentação institucional com os programas oferecidos ao homem do campo. Material que também foi apresentado durante o evento através de vídeos: Sucessão Familiar, Mecanização Agrícola, Inseminação artificial e

Para o presidente do CAT Sorriso, Darcy Getúlio Ferrarin, o balanço do evento é muito positivo. “Como é bom ver as cadeiras todas ocupadas. Saber que o produtor rural e os profissionais da área agrícola estão buscando conhecimento. Precisamos estar sempre atualizados para ter sucesso na atividade”, disse o presidente em seu discurso.

Realização

O 4º Encontro Regional de Sistemas Produtivos é realizado pelo Clube Amigos da Terra, CAT Sorriso em parceria com o Sindicato Rural de Sorriso e a Prefeitura Municipal. A parceria técnica é da Embrapa-MT e do IMA, o Instituto Matogrossense do Algodão. O apoio é da RTRS, WWF-Brasil e do Cidesa, o Consórcio de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental Alto Teles Pires.

Patrocínio

São patrocinadores do evento: a APROSOJA – Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso; SENAR-MT – Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso; Fundação Agrisus – Agricultura Sustentável; Nortox; Agro Amazônia; Bayer; Basf; Case; Dimicron; Monsanto; Agroeste; FMC; Mobil; Nidera; Syngenta; Pioneer e RST Instalações Agroindustriais.vvv