mini_IMG-20160513-WA0021

Vice-presidente do CAT prestigia inauguração do IFMT Campus Sorriso

Compartilhe nas redes sociais

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no print
Compartilhar no email

No aniversário de Sorriso, o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso inaugurou oficialmente a sede de seu campus no município. A estrutura fica no bairro Santa Clara, em um terreno de 10 mil m² que foi doado ao IFMT em setembro de 2010. A cerimônia foi na sexta-feira (13.05).

Com investimento total de R$ 10.086.928,27, o prédio tem 4.300 m² de área construída e já atende mais de 550 alunos nos cinco cursos regulares que oferece: Tecnologia em Gestão Ambiental, Tecnologia em Produção de Grãos, Bacharelado em Engenharia Agronômica, no Ensino Superior; e Técnico em Alimentos e Técnico em Agropecuária, de forma integrada ao Ensino Médio.

A unidade incorpora conceitos de acessibilidade e sustentabilidade: no estacionamento há vagas reservadas para idosos e pessoas com mobilidade reduzida devidamente sinalizadas; o prédio conta com dois elevadores (um próximo ao bloco administrativo e um dentro do bloco de salas de aula); e a estrutura faz reutilização da água das chuvas para as descargas dos vasos sanitários.

Presente na inauguração, a vice-residente do Clube Amigos da Terra (CAT Sorriso), Anadir Regina Graça Paiva e o esposo dela Luis Fernando Paiva, ficaram impressionados com a estrutura do campus. “Sorriso está de Parabéns. Fiquei muito surpresa com a estrutura e os cursos oferecidos pela unidade. Os cursos atendem a necessidade da nossa região que precisa muito de mão de obra qualificada”, destacou a vice-presidente.

Na cerimônia também estiveram presente representantes dos poderes Executivo e Legislativo municipais, polícia militar, reitoria do IFMT e da sociedade civil organizada, as diretorias de outras unidades do IFMT e as prefeituras de municípios próximos a Sorriso também foram representadas na mesa de honra.

O diretor local Carlos Câmara também pontuou os planos de expansão do Instituto, com previsão de chegar a 1.200 alunos. E o reitor do Instituto no Estado, ressaltou a instalação de um ponto de apoio para atividades acadêmicas em sua Fazenda Experimental, localizada às margens da BR-163, com o apoio da Administração Municipal.

EXPANSÃO

A gestão da unidade sorrisense do IFMT já deu início à primeira expansão da sede que está sendo inaugurada: a criação de um bloco com 18 laboratórios de áreas técnicas, cujo projeto está em fase de desenvolvimento.

Além disso, a unidade finaliza, nas próximas semanas, a instalação de um ponto de apoio para atividades acadêmicas em sua Fazenda Experimental, localizada às margens da BR-163, próximo à Delegacia da Polícia Rodoviária Federal. A unidade está entre as primeiras no estado a seguir um projeto arquitetônico que se tornou referência para os novos campi do IFMT.

Com uma distribuição modular, o campus conta com um bloco para atividades administrativas, um bloco com salas de aula e laboratórios, biblioteca e auditório, além de outros espaços.